Dois dos três partidos que integram a Federação Brasil da Esperança – PT e PV – ingressaram na Justiça Eleitoral requerendo o mandato do deputado estadual Othelino Neto por infidelidade partidária.

Apesar de Othelino Neto ter a carta de anuência do PCdoB para deixar a legenda, PT e PV entendem que a saída teria que ser autorizada pela Federação, o que não ocorreu.

No entanto, ao que tudo indica, estamos diante daquele velho jargão “a volta dos que não foram”.

Muito provavelmente temendo essa reação, até pelo fato de ter passado a ser Oposição ao Governo Brandão, Othelino apenas ensaiou sua saída e filiação no Solidariedade, apesar do ato feito. O ex-presidente da ALEMA segue no PCdoB, já que não apresentou oficialmente seu pedido de desfiliação e nem se filiou no Solidariedade.

Sendo assim, a ação segue de PT e PV não deve ter nenhuma eficácia.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here