O argumento usado pelo secretário municipal de Transito e Transporte Terrestre, Diego Rodrigues, para não comparecer à audiência pública convocada pela Câmara Municipal de São Luís para tratar sobre o transporte público foi considerado um verdadeiro absurdo pelo presidente licenciado da Casa e secretário de Cultura do Estado, vereador Paulo Victor.

Em ofício encaminhado à Câmara, Rodrigues solicitou nova data para prestar os relatórios e esclarecimentos da auditoria no sistema tarifário do transporte público alegando falta de conhecimento técnico devido ao pouco tempo no cargo. O presidente da audiência, autor do ofício de convocação do titular da SMTT, vereador Álvaro Pires (PMN), lamentou a situação.

“Absurdo! O secretário da SMTT, Diego Rodrigues, faltou à convocação feita pela Câmara Municipal para falar sobre o transporte público alegando falta de conhecimento de conhecimento técnico devido ao pouco tempo no cargo. Mais uma fato que evidencia o caos no transporte público na gestão Braide”, disse Paulo Victor em sua rede social.

“Lamento que o secretário use como justificativa a falta de conhecimento técnico sobre os assuntos da sua pasta e informo aos senhores que, encerrada a audiência, nos reuniremos com o presidente da comissão de mobilidade para definir os próximos passos”, declarou.

A convocação do Prefeito e seus Secretários Municipais é regimental e ocorre por aprovação da maioria absoluta, com o objetivo de prestar informações sobre assunto previamente estabelecido. A ausência injustificada importa infração político-administrativa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here